top of page

Mudando o paladar: como reduzir o consumo de doces?

Atualizado: 13 de dez. de 2021

Essa é a pergunta que mais ouço e a dificuldade mais comum entre os pacientes e seguidores do Instagram (ainda não me segue? 😱 clica aqui!) e, por isso, criei um passo-a-passo que pode te ajudar muito nesse processo!


A primeira coisa a ser considerada quando falamos em reduzir o consumo de doces, é que a vontade avassaladora só vai ser vencida com uma mudança de paladar. E como faz isso? Reduzindo o consumo! Acredite se quiser, é possível se desacostumar do sabor excessivamente açucarado, mesmo que você ame.. aliás, essa é uma das primeiras percepções e relatos que meus pacientes têm depois de nossas primeiras mudanças:

"Nutri, o doce que eu comia sempre agora está muito mais doce, não consigo mais comer tanto".

E é normal! A mudança do paladar existe, mas requer determinação e persistência! Não posso mentir, se você é fanática por doces e come todos os dias vai sentir falta! Mas te garanto que, se perseverar, vai conseguir!


Vem que te mostro caminho das pedras:

O guia para a redução do consumo de doces!

gif

Para que esse guia seja mais didático e simples de entender, o dividi em alguns passos práticos! Leia com atenção, defina seu trajeto e inicie sua jornada! Ah, e, se quiser, pode ir compartilhando comigo lá pelo Instagram (@nutricarolvasc)!

  1. Que doces você come? Antes de mais nada, é preciso entender o que precisa ser reduzido... para isso, pense em quais doces você come! E aí não entra só brigadeiro, mas também bolos, sobremesas, suco ou café com açúcar, bolachas... se lembre de tudinho! Nada de enrolação! Se você quer mudar mesmo, precisa parar de se enganar, então considere o que come também nas beliscadas ao longo do dia ou quando percebe que está mais ansiosa.

  2. Quando você come? Agora pense em quais momentos você geralmente consome cada um desses doces e se tem algum sentimento que serve como "gatilho". Pela minha experiência, os maiores gatilhos que percebo são o estresse e a ansiedade! Veja se isso cabe para você e pense em outras formas de lidar com esses sentimentos. Pode ser que ver um filme, conversar com uma amiga, sair para caminhar, praticar algum esporte ou cozinhar te ajudem nesse aspecto! Encontre as estratégias que funcionem para que você consiga lidar com seus sentimentos sem envolver os doces.

  3. Defina seu processo: Em minha experiência como nutri, percebi que a parte prática da redução dos doces pode ser feita de duas maneiras: tirar os doces de uma só vez ou limitar a quantidade, mas manter um pouquinho por dia ou semana! Não existe um jeito certo e nem errado, os dois funcionam! Você só precisa ver qual se adequa melhor ao seu jeito, hábitos e rotina e, portanto, vai ser mais fácil para você! Precisa entender que, apesar de ser difícil de qualquer jeito, alguma dessas maneiras vai tornar seu processo mais simples. E para te ajudar a descobrir as vantagens e desvantagens de cada uma vou te explicar um pouquinho mais sobre elas abaixo:

Tirar tudo de uma vez:

👍 Vantagens: Você passa pelo processo inteiro de uma vez. Requer mais disciplina e pode sentir muita vontade, mas não precisa lidar com tentações, porque nem terá doces em casa, ou decidir parar de comer após determinada quantidade, porque nem vai começar!

👎 Desvantagens: Se você come muito doce, com muita frequência, pode ser imensamente difícil. Precisa entender se você realmente consegue tirar tudo ou se vai te atrapalhar mais do que ajudar... o que pode acontecer é você ficar com muita vontade acumulada, desistir e compensar comendo uma quantidade ainda maior de doces!

🤔 O que precisa saber: Pode sentir sinais físicos, como dores de cabeça, e emocionais, como estresse, com a retirada do açúcar, mas isso passa! A segunda semana parece ser a pior, mas depois que passar, pode se considerar vitoriosa!

🌟 Dica de ouro: Defina um prazo de, pelo menos, 3 semanas e não tenha doces em casa durante o processo. Se puder, evite eventos e ser exposta aos açúcares. Converse com sua família e peça ajuda!


Limitar a quantidade e manter um pouquinho por dia ou semana:

👍 Vantagens: Pode ser mais fácil, já que mesmo durante esse processo vai poder comer um docinho aqui e outro ali. Vai aprender a lidar com os doces na rotina e a ter mais controle, já que estará exposta, mas não poderá exagerar.

👎 Desvantagens: Precisa de muito auto-controle para parar de comer na quantidade estipulada, pode demorar um pouco mais para adaptar o paladar e tem a dificuldade adicional de precisar lidar com os doces em casa. Existem pessoas que não conseguem comer pouco, é tudo ou nada! Se você é uma dessas, essa opção não é pra você!

🤔 O que precisa saber: Você vai precisar definir um horário e uma quantidade limite específica para não se boicotar. Não basta definir "comer um pouco de doce", isso não vai rolar!

🌟 Dica de ouro: Não compre grandes quantidades e sim embalagens individuais! Ao invés de uma barrona, por exemplo, da qual vai comer 3 quadradinhos de chocolate por vez, compre a barrinha pequena. Ao invés de uma caixa, compre um doce por vez! Isso vai te ajudar a ter mais controle.


Analisar as duas situações e decidir qual é o melhor caminho para você é indispensável para que a estratégia certa seja aplicada e você consiga reduzir o consumo de doces de vez! A pior coisa que existe é tentar, desistir no meio do caminho e ficar triste por ter falhado. Pense na estratégia e se esforce para seguí-la até o fim! E caso não consiga de primeira, calma! Sempre é tempo de recomeçar!


4. Por fim, a estratégia final e trabalhar como você come! Coma cada doce, seja aqueles que escolher durante o processo ou após terminar, como se fosse o último de sua vida! Aproveitar cada centímetro de sabor é fundamental para reduzir a quantidade consumida. Muitas das vezes você come tão rápido que só sente o gosto do que comeu quando já está na quinta unidade. A intenção é mudar esse hábito e aproveitar desde a primeira. Para isso, siga os passos a seguir! Que tal aproveitar para praticar com seu doce preferido? 😉

  • Comece abrindo o pacote e observando o doce! Você já havia notado as cores, texturas, camadas? De que é feito? Como ele é montado? Qual é a estrutura? Vamos usar todos os sentidos! Comece percebendo esse doce usando o tato e a visão!

  • Sinta o cheiro! Talvez você coma tão rápido que nem percebe esse detalhe, mas o ato de comer e a sensação de prazer já começou no passo 1! As partes diferentes possuem cheiros diferentes? Redescubra esse doce!

  • Morda pedaços pequenos, ouça o barulho que eles fazem! É crocante ou macio? É puxento ou suave? Sinta o doce por inteiro, aproveite ao máximo! Você consegue sentir cada textura que viu no primeiro passo? Percebe os sabores relacionados aos cheiros que notou na segunda etapa?

  • Comece a mastigar e deixe derreter na boca! O gosto muda quando derrete? Todas as partes derretem ou algumas precisam ser mastigadas? Como é a junção de todos os sabores?

  • Esparrame essa delícia por toda a língua, céu da boca e bochechas... cada parte da língua tem papilas gustativas e é sensível a diferentes tipos de sabores! Deixe que o doce seja sentido por todas elas! Aproveite cada milímetro de sabor!

  • Por fim, engula! Sinta o doce descendo pela garganta e aproveite a experiência por inteiro!

Você já havia comido algum doce desse jeito? Parece besteira, mas não é! Tenho certeza absoluta que agora, após essa experiência, você redescobriu seu doce favorito e não vai conseguir comer a mesma quantidade que estava acostumada! Não é mais necessário...


A redução do consumo de doces diz respeito à adaptação do paladar e ao exercício do auto-controle, é preciso entender que não há necessidade de comer todo o pacote para se satisfazer; afinal, se a base de sua alimentação for saudável, os docinhos cabem como exceção!


Não esquece de me contar abaixo a estratégia escolhida por você e se eu te ajudei com esse passo-a-passo!


Ah, e se você ainda não sabe como funciona meu acompanhamento nutricional, clique aqui e saiba mais... quem sabe não passamos por esse processo juntas? Vai ser um prazer te acompanhar 😍.


Beijos da nutri!

Até!

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page